Gooru - Miscelânia de Conteúdos

Teoria da personalidade obscura revela 9 características dessas pessoas

por Redação Gooru 824 views0

Você já ouviu falar no Fator de Personalidade Obscura Geral? Também chamado de D-factor, da palavra Dark, o fator detalha as características obscuras de uma pessoa.

 

Um grupo de pesquisadores da Alemanha e Dinamarca definem o D-factor como “a tendência básica de maximizar a utilidade de si próprio com custo para outras pessoas, acompanhado de crenças que servem de justificativa para as ações malevolentes”.

 

Aqueles que têm notas altas nessas nove características tendem a buscar seus objetivos a todo custo, mesmo se outras pessoas forem prejudicadas no caminho. Em alguns casos, seus objetivos podem ser até causar danos para os outros. Essas pessoas também não ajudam quem está passando por necessidade a não ser que isso tenha alguma “utilidade” para si próprio. Eles também não ficam felizes quando algo bom acontece com os outros.

Os pesquisadores Morten Moshagen, da Universidade Ulm (Alemanha), Benjamin E. Hilbig, da Universidade de Koblenz-Landau (Alemanha), e Ingo Zettler, da Universidade de Copenhague (Dinamarca) propõem que seria possível medir a malevolência da mesma forma que a inteligência é medida.

 

Para descobrir as características em comum de pessoas com essa personalidade, Moshagen, Hilbig e Zettler aplicaram nove testes diferentes em quatro estudos separados. Os testes focavam nas características obscuras que foram pesquisadas em estudos anteriores.

 

Nove fatores de malevolência

Há nove fatores de malevolência envolvidos no D-factor:

 

9 – Egoísmo

Preocupação excessiva com o próprio prazer e em tirar vantagem de outros, com custos para o bem-estar da sociedade.

8 – Maquiavelismo

Manipulação, frieza e preocupação com estratégias para atingir o objetivo.

 

7  – Desengajamento moral

Maneira de ver o mundo que faz com que ele haja de forma antiética.

 

6 – Narcisismo

Alimentar o ego é a motivação dessa pessoa.

 

5 – Sensação de merecimento

A sensação de que a pessoa merece mais e tem mais direito de ter coisas melhores que os outros.

4 – Psicopatia

Déficits no afeto (insensibilidade) e no autocontrole (impulsividade).

 

3 – Sadismo

A pessoa que humilha os outros, mostra um padrão duradouro de crueldade com os outros. Que causa sofrimento físico, psicológico ou sexual para estabelecer poder e dominância ou pelo prazer em ver o outro sofrer.

 

2 – Interesse próprio

A busca de ganhos em campos considerados valiosos, como bens materiais, status social, reconhecimento, conquistas acadêmicas ou ocupacionais, e felicidade.

1 – Ressentimento

Uma preferência que poderia prejudicar os outros mas que também poderia prejudicar a própria pessoa. Esse dano pode ser social, financeiro ou físico.

 

Teste simples

Os pesquisadores concluíram que essas características tendem a estar relacionadas em pessoas com personalidade obscura, especialmente o egoísmo, maquiavelismo, desengajamento moral, psicopatia, sadismo e ressentimento.  Eles observaram que aqueles com nota alta no D-factor tinham mais chances de ficar com dinheiro para eles se houvesse a oportunidade, e maiores chantes de mostrar um comportamento antiético.

 

Quer saber se você ou alguém que você conhece tem esse tipo de personalidade? Veja se você concorda fortemente ou se discorda com as afirmações abaixo. Se concordar com vários dos itens abaixo, é provável que você tenha alta nota na escala do D-Factor. Para saber mais sobre a personalidade, visite o site The Dark Factor of Personality.

  1. É difícil chegar lá sem cortar caminho aqui e ali.
    2. Eu gosto de usar manipulação para fazer as coisas do meu jeito.
    3. As pessoas que são maltratadas costumam merecer isso.
    4. Eu sei que sou especial porque todo mundo me diz isso.
    5. Sinceramente sinto que sou mais merecedor que os outros.
    6. Digo qualquer coisa para conseguir o que quero.
    7. Ferir alguém seria empolgante.
    8. Eu tento me certificar de que os outros sabem dos meus sucessos.
    9. Às vezes, vale a pena um pouco de sofrimento da minha parte para ver os outros receberem a punição que merecem.

[ Big Think / Scientific American via HypeScience ] [ Fotos: Reprodução / Resiliência Mag ]

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!