6 super-heróis que seriam derrotados pelos seus próprios superpoderes

Ninguém quer ser Peter Parker, uma pessoa comum sem amigos ou qualquer habilidade especial. Todos querem ser o Homem-Aranha, o cara que faz tudo o que uma aranha pode fazer. 

 

No entanto, existem desvantagens óbvias de certos superpoderes que poderiam tornar sua vida exponencialmente pior, e não melhor do que ela é agora. Por exemplo, você não iria querer ser: 

 

6 – Quicksilver


Quicksilver é o equivalente da Marvel Comics do Flash, um mutante com o poder de se mover na velocidade da luz. Como resultado, ele experimenta a realidade milhares de vezes mais rápido do que o resto de nós.  Sem dúvida, este seria um poder legal de se ter na vida real. Você recebe uma mensagem de que uma visita está para chegar na sua casa, e limpa todo o seu apartamento em menos tempo do que leva para responder “OK”.  No entanto, ser o Quicksilver é uma tarefa que levaria qualquer um a insanidade. Já fizeram piada com isso em “Dias de um Futuro Esquecido”. Quando os X-Men se encontram, Quicksilver está tentando derrotar o tédio, entre jogar um jogo de ping-pong contra si mesmo, jogar videogame, assistir televisão e zoar Wolverine, tudo dentro de menos de um minuto. Mas o problema foi subestimado drasticamente. Os quadrinhos exploram mais a situação – lá, Quicksilver tem um terapeuta, a quem ele descreve o pesadelo de seu dia-a-dia, como esperar atrás de alguém na fila do banco.  Só que isso nem arranha a superfície. Quicksilver pode mover-se tão rápido que as balas de revólveres parecem se pendurar no ar. Ele pensa nessa mesma velocidade também. Ele é capaz de tomar decisões a uma velocidade mil ou dez mil vezes maior que a normal. Em outras palavras, ele não pensa em si mesmo como rápido; ele acha que o resto de nós são estátuas. Para Quicksilver, ficar em pé na fila de um banco iria durar o equivalente a anos.  Além disso, ele não poderia ter relações normais com ninguém. Conversar envolveria horas de espera para a próxima palavra. Isso não é apenas um aborrecimento. O cérebro precisa de estímulo – um prisioneiro na solitária por tempo suficiente rapidamente perde a capacidade de formar pensamentos racionais. Não importa que, ao contrário dos prisioneiros, Quicksilver pode interagir com outras pessoas, porque não somos pessoas para ele. Somos pior que caracóis. Não há ninguém que possa conviver com ele no seu próprio ritmo. 
 

5 – Hulk

 
Os atuais filmes da Marvel estabelecem que não é a raiva que transforma Bruce Banner em um enorme monstro verde, mas a sua frequência cardíaca. Logo, Banner tem que praticar meditação, usar um monitor de frequência cardíaca em seu pulso e evitar ler comentários do YouTube a fim de manter a sua besta interior controlada. Os filmes não exploram muito o quanto este problema tornaria a vida de qualquer um insuportável (muito embora tenham mostrado que ele não pode ter relações sexuais com uma disposta Liv Tyler). Mas a vida diária de Bruce Banner deve ser muito mais difícil do que você imagina, mesmo quando bandidos não estão tentando matá-lo. Logo de cara, há o fato de que não só ele não pode ter relações sexuais, como não pode nem se masturbar. Também não há maneira fácil de ficar tão em forma quanto Edward Norton, considerando que qualquer exercício vigoroso irá acionar o monstro dentro dele. Correr para pegar um ônibus ou reorganizar os móveis em seu apartamento são provavelmente situações que trariam o Hulk à tona também. Se o elevador quebra, esperamos que Banner tenha um áudio livro com ele, porque vai ser uma lenta subida pelas escadas (com pausas frequentes) caso ele queira evitar se esforçar e se metamorfosear em um ser de pura destruição, colocando centenas de vidas inocentes em risco. Presumivelmente, Banner ainda não pode ingerir cafeína ou assistir filmes, porque não gostaria de ficar assustado, animado ou rir muito. E olha que só estamos falando de coisas que ele pode controlar. Banner ainda tem que se preocupar com pesadelos, que são uma possibilidade real, considerando que ele vive em um mundo onde monstros e invasões alienígenas são uma coisa frequente. Até ficar doente é um risco, porque mesmo uma febre irá aumentar a sua frequência cardíaca. É provavelmente mais fácil ser Hulk o tempo todo. 

 

4 – Homem de Ferro

 
Além de ser uma armadura, o traje do Homem de Ferro também é uma máquina voadora que pode superar aeronaves militares. É tão surpreendente que Tony Stark pode quebrar a barreira de velocidade e, em seguida, fazer uma aterragem perfeita, sem levantar muita poeira. E por que não? É tudo baseado em tecnologia imaginária, não é mesmo? Na vida real, não rolaria de jeito nenhum. Já esteve em um acidente de carro? Ou mesmo freou de repente para evitar atropelar um tatu bola que claramente queria se suicidar? Seu carro para, mas o seu corpo continua – não dá para contornar a física. Você sabe, existe a conservação de força e tudo o mais. É por isso que o seu carro é equipado com um monte de coisas projetadas especificamente para impedi-lo de se tornar um míssil humano ou ter que usar o volante como um colar até sua viagem para a sala de emergência. Sem cinto de segurança, uma parada súbita a meros 50 quilômetros por hora é o suficiente para colocar sua cabeça no para-brisa. Agora imagine uma parada súbita como a que Tony faz acima a 10 ou 20 vezes essa velocidade. Não importa se o seu traje é feito de uma substância perfeitamente indestrutível, porque seu corpo vai se debater dentro desse traje. A energia cinética será transferida para seus ossos e órgãos. Este é o problema da NFL, aliás. As concussões famosas do futebol americano acontecem porque não importa quão avançado seja o capacete, o problema é que o cérebro ainda se mexe dentro do crânio toda vez que a cabeça de um jogador se choca contra o corpo ou cabeça de outro. E isso sem ter vários pequenos motores a jato amarrados a seus corpos. 

 

3 – Flash

 
Na versão de TV atual do Flash, é estabelecido que Barry Allen precisa se encher constantemente de calorias a fim de manter seus poderes de velocidade. Isso faz sentido para um mundo em que as habilidades de uma pessoa são em sua maior parte governadas pela física em vez da magia dos quadrinhos. No entanto, como é o caso com a maioria das ficções de super-heróis, explicações fundamentadas para os superpoderes acabam criando mais problemas do que resolvem. Neste caso, pelo menos um especialista afirma que o Flash teria que consumir pelo menos 10.000 calorias por dia, e isso se ele só usasse suas habilidades de velocidade por cinco minutos em um período de 24 horas. Isso não parece muito? Pois saiba que o famoso ator e lutador Dwayne “The Rock” Johnson, por exemplo, diz que come sete refeições por dia para obter relativamente insignificantes 4.131 calorias. Para Barry Allen alcançar seu absurdo mínimo de 10.000 calorias, ele basicamente tem que comer o tempo todo. Esqueça fazer quaisquer outras atividades nas horas livres. É bom lembrar também que Dwayne Johnson é um milionário de Hollywood. Barry Allen é um perito que trabalha com a polícia, que é o trabalho que ele precisa para se sustentar, uma vez que ser um justiceiro não paga muito bem. Isso significa que ele gastaria todo o seu salário com alimentos. O que provavelmente explica por que ele ainda mora com seu pai. E depois há o estresse que comer tanto causaria em seu organismo. Allen é mostrado na série se enchendo de pizza e sorvete, o que faz sentido levando-se em conta o quanto ele precisa comer, mas seu corpo ainda tem que descobrir o que fazer com todo o sal, colesterol e gordura que ele consome todos os dias. Só podemos imaginar o tempo que ele gasta indo ao banheiro. Impraticável! 

 

2 – Mulher Maravilha

 
O melhor do arsenal da Mulher Maravilha são seu laço mágico e um jato inexplicavelmente invisível. O segundo é tão bizarro que nem sequer pudemos ver até agora como o universo cinematográfico lidaria com ele, visto que havia uma oportunidade perfeita para usá-lo em Batman Vs Super-Homem, mas a galera optou por fazê-la voar em um jato comercial em vez disso. AFF. No entanto, dá para entender porque seria praticamente impossível explicar um avião invisível em um mundo no qual existem aves. Colisões de aves são um dos perigos mais constantes para viagens aéreas, e isso com aeronaves visíveis. Desde 2000, mais de 500 aviões colidiram com pássaros em pleno voo, sendo que 166 deles tiveram que fazer um pouso de emergência como resultado.  Se você acha que estamos exagerando o problema em favor da comédia, saiba que não.

Sim, um avião é feito de metal enquanto um pássaro não passa de um bolo de carne e penas. Tal encontro não seria um problema com o veículo estacionado no chão do aeroporto, mas dada a velocidade com que um avião médio viaja, mesmo bater em algo tão pequeno e carnudo quanto um papagaio é o suficiente para fazer com que pareça que a aeronave foi atingida por uma arma antiaérea. Por exemplo, dá uma olhada nesse jato de passageiros que colidiu com um pássaro na Namíbia: E esse era um avião que os pássaros podiam ver e tentar evitar. O jato invisível da Mulher Maravilha provavelmente estaria muito mais sujeito a tais colisões. Além disso, mesmo se fosse de alguma forma superforte e imune a danos causados por pássaros, ainda ficaria coberto por uma espessa camada de aves mortas muito antes de chegar ao seu destino, o que obviamente acabaria com a finalidade de se ter um avião invisível em primeiro lugar. 

 

1 – Batman

 
A coisa mais próxima a um superpoder que Batman tem é o fato de que ele tem todo o dinheiro do universo. Os filmes de Christopher Nolan são bem claros em relação a isso. A única razão pela qual Bruce Wayne é capaz de realizar suas atividades extracurriculares é porque ele é um CEO bilionário que pega dinheiro de sua empresa para fabricar seus brinquedinhos para lutar contra o crime. Assim, em Batman Begins, Bruce Wayne pede a Lucius Fox, o chefe da divisão de Pesquisa e Desenvolvimento da Wayne Enterprises, para reconfigurar todo o departamento para o seu hobby. Fica estabelecido que os militares não têm interesse em comprar qualquer uma das invenções da empresa, de modo que todo o programa está à beira de ser cancelado – até que misteriosamente milhões de dólares da empresa são voltados para projetar equipamentos para uso pessoal de Wayne, que ele descreve como um interesse pessoal em “espeleologia”. Essa explicação beira o ridículo. É uma coisa Bruce Wayne gastar sua fortuna pessoal em um Batmóvel. Estamos falando dos Estados Unidos da América, claro, e ele pode comprar o que quiser. Mas não. O que ele faz é desviar dinheiro de sua própria empresa, falsificando seus livros de contabilidade, para criar armamentos de nível militar. Mesmo em um universo no qual a Al Qaeda não existe, terrorismo doméstico com certeza existe (e é uma ocorrência semanal). Você não acha que o governo federal iria querer manter o controle destes sistemas de armas? Estamos falando de uma tecnologia de ponta e de um governo que possui tantos inimigos que qualquer coisa é uma desculpa para eles espiarem o mundo todo, incluindo seus próprios cidadãos. 

 

Qual das milhares de agências neuróticas dos EUA teria o prazer de pregar Wayne Enterprises contra a parede? O Departamento de Defesa? O FBI? O Bureau de Álcool, Tabaco e Armas de Fogo? O Departamento do Tesouro e seu serviço de receita? A Comissão Federal de Comércio? O Departamento de Segurança Interna? Meu dinheiro está nessa última, visto que tudo pode ser considerado uma ameaça à segurança nacional dos EUA, quem dirá os brinquedinhos do Batman. Não há a menor chance de Bruce Wayne esconder sua identidade do governo americano. Enganá-lo seria uma tarefa para um exército de contabilistas e advogados, todos dispostos a ser cúmplices de vários crimes. Há uma sequência em O Cavaleiro das Trevas na qual um consultor se depara com a discrepância na contabilidade da empresa, mas Lucius e Wayne são capazes de calá-lo e o problema desaparece. É quase inacreditável que os filmes não toquem muito nesse óbvio obstáculo, dadas todas as reuniões mensais da Wayne Enterprises, Estas não incluem mais do que alguns silêncios constrangedores quando algum burocrata admite que novamente bilhões de dólares desapareceram misteriosamente, enquanto que em uma nota aparentemente não relacionada, um vigilante mascarado foi visto pilotando uma lancha que estranhamente se assemelha a uma que a empresa projetou, embora com asas de morcego adicionadas à parte traseira.  

Cracked via HypeScience ] [ Fotos: Reprodução / HypeScience ]

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!