Se você não é daltônico, provavelmente não tem muita ideia de como uma pessoa com a condição realmente enxerga o mundo. Explicar com palavras pode dar uma noção, mas as imagens abaixo vão te chocar. Nada melhor do que realmente ver a vida através dos olhos de alguém com daltonismo.

 

Por isso, um site chamado color-blindness.com criou as comparações abaixo, que mostram exatamente a diferença da visão normal versus a daltônica.

 

Diferentes tipos

O daltonismo é um tipo de deficiência visual na qual o indivíduo não é capaz de reconhecer e diferenciar algumas cores específicas. Cerca de 0,5% das mulheres (1 em cada 200) e 8% dos homens (1 em cada 12) sofrem de alguma forma de daltonismo. Um dos tipos mais comuns é a deuteranomalia, no qual as pessoas não são capazes de distinguir a cor verde. Os tons vistos geralmente são puxados para o marrom.

Quem possui o tipo chamado de protanopia enxerga menos o pigmento vermelho. No lugar dele, o indivíduo pode enxergar tons de marrom, verde ou cinza. Um dos tipos mais raros de daltonismo é a tritanopia, que interfere na distinção e reconhecimento das cores azul e amarelo. Uma pessoa com este tipo de visão não perde totalmente a noção do azul, mas o enxerga em tonalidades diferentes. Já o amarelo vira um rosa-claro. Pessoas com tritanopia não enxergam a cor laranja.

 

De acordo com o color-blindness.com, apenas cerca de 0,00003% da população mundial sofre de daltonismo total, também chamado de monocromacia. Nesse tipo, que é o mais raro de todos, as pessoas não enxergam nenhuma cor, ou seja, veem tudo em preto-e-branco.

 

Como os daltônicos enxergam

O mundo através dos olhos dos daltônicos

[ BoredPanda via HypeScience ] [ Foto: Reprodução / BoredPanda ]